Sentimento de propriedade



















Temos de trabalhar nosso sentimento de propriedade, se quisermos mudar o nosso relacionamento com nossos parceiros. Ou é o contrário? Continuamos a lidar com os nossos parceiros da mesma forma que as crianças se comportam quando alguém toma seu brinquedo. Reagimos com tristeza e raiva quando sentimos que nossa parceira está se afastando de nós, é tomada ou é atraída para outra pessoa.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Kátia Mattoso esteja em paz e bem

O Palhaço e a Bailarina em cartaz no mês de Março no Teatro Molière!