Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2010

Como vejo Rosário – uma fábula de mulheres, Deusas e animais

Imagem
Rosário mostra a beleza do poder feminino de transformar o sofrimento e a dor em amor e soberania. Vejo em Rosário, o ritual de uma mulher e ao mesmo tempo várias mulheres, conquistando a sua soberania diante das adversidades do mundo em que habita. Adversidades como a violência masculina contra a mulher, a pobreza, o preconceito de cor, a solidão, a desterritorialização e diversas condições de opressão. Para as platéias brasileiras essas imagens construídas no espetáculo nos remetem à história da escravidão no Brasil, mas essas condições de opressão ainda são vividas por mulheres hoje em diversos lugares do Brasil e no mundo e as marcas dessas feridas históricas se mantêm na memória de uma população ainda maior. A fábula em forma de ritual Rosário expõe marcas e nos deixa diante de feridas que nem todos e nem sempre temos coragem de olhar. Mas Rosário seduz e desperta a nossa atenção para essas dores de modo suave e delicado, com a sincera sabedoria de quem carrega também todos os re…

Yaiá Reis recita sua poesia após a apresentação de Rosário 20 de agosto 2010

Imagem
Guerreira Porque o meu norte, é continuar a batalha daquelas que morreram lutando.
Hoje canto as tristezas que foram aprisionadas e danço os xotes, baiões, maracatus, sambas de roda pisando firme, mirando cada direção.
Ando sobre o chão de asfalto que um dia foi barro e cultuo as raízes que tentaram arrancar..
Faço do meu sangue que escorre todo mês, mais um motivo pra ir a guerra.
EU POSSO.
EU QUERO.
EU VOU.

Yaiá Reis

Felícia e Rosário na MUITO - A Tarde

Imagem

Rosário 12 de agosto sessão das 20hs bate-papo.

Imagem

Rosário, 12 de agosto sessão das 14hs, presença de grupos da levanta-te e anda e Kabum

Imagem

Rosário

Imagem