aquele sorriso (poema para Tataravó) por Cristiane Grando


“Tataravô” / “Tatarabuelo”: Alexandre Casali, Celo Costa, Demian Reis. Arquivo / Archivo: FITIJ.

aquele sorriso

são amorosos e espontâneos os baianos!
para os meus amigos Paloma Jorge Amado, Alê Casali, Demian Reis, Celo Costa e Alexandre Carvalho
poema inspirado no espetáculo “Tataravô” (Brasil)



o sorriso vem de dentro
sim
o meu corpo está pedindo
um sorriso de dentro
dos olhos

um sorriso que de dentro venha
dos olhos
que vale mais que mil sapatos

porque posso andar descalça
a pé
posso
eu posso andar

por isso sou viajante
e canto
e choro de alegria e saudade
sou caminante

sou uma
e só caminho pelas ruas
praças, portos, estradas de terra
voo por meu país e por tantos outros

sempre em busca de um sorriso

de um palhaço daquela infância perdida no tempo
ou de um amigo antigo
de um novo amigo talvez

para que me reencontre
ao lhe dar um beijo no rosto

ah, deixa entrar
a luz do vento
o sorriso nos olhos
o voo

deixa entrar

meu coração não se cansa
canta o Caetano
o coração não se cansa
de dar
receber

meu coração não se cansa de ser
  

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O Palhaço e a Bailarina em cartaz no mês de Março no Teatro Molière!

Kátia Mattoso esteja em paz e bem